WCM777: Processo de ressarcimento às "vítimas" de Phil Ming Xu, em ordem de aprovação nos EUA


À justiça americana acatou o pedido de reivindicação do receptor do caso da empresa World Capital Market - WCM777, acusada pela SEC, Agência Federal Americana, órgão regulador das finanças no país, por formação de pirâmide financeira. Agora, pessoas que se encontram como vítimas do CEO e Fundador Phil Ming Xu, em poucos meses poderão solicitar o ressarcimento do dinheiro aplicado e que não tiveram o retorno do "investimento".

Um excelente notícias para os envolvidos na companhia americana que oferecia um retorno financeiro na aplicação no que seria o serviço de utilização da memória e das capacidades de armazenamento em nuvem, a WCM 777, criada por Phil Ming Xu, em 2013, mas fechada por crime contra economia popular, nos EUA.
Advogada americana nomeada para o casa, Krista Freitag, disponibilizará um formulário de reivindicação, que eles chama de Claims, por meio da página criada para atualizar as pessoas envolvidas no caso.

Por outro lado "líderes" americanos e de outros países, que lucram com o esquema terão que prestar conta com à justiça americana. Assim como está acontecendo no caso da Zeek Rewards, que uso, também, o MMN para atrair novas pessoas para a fraude e fora fechada pelo governo americano, em 2012.

Fonte: webradio multinivel


←  Anterior Proxima  → Página inicial